02/12/2019

ALEITAMENTO MATERNO E A BAIXA PRODUÇÃO DE LEITE

     Uma demanda bastante frequente são as mães com queixa de baixa produção de leite ou hipogalactia.
     As causas podem ter origem  primarias ou secundárias. As primárias geralmente são pouco frequentes, em torno de 5%, e estão relacionadas à problemas glandulares, cirurgia de redução mamária, hipotireoidismo, e  desnutrição grave entre outras.
     Geralmente as causas secundárias são as mais comuns e estão relacionadas como o manejo inadequado da amamentação. Por exemplo levar o bebê, poucas vezes ao peito. O bebê precisa mamar de 8 a 10 vezes por dia. Não existe essa de intervalo rígido. Isso só é valido para mamadeira!  E à noite ele precisa mamar, pois a grande liberação de prolactina, que é o hormônio que produz o leite é secretado à noite.
Outro intervenção desastrosa é o uso do suplemento precoce e sem real necessidade, muitas vezes para diminuir a ansiedade da mâe e para fazer o bebê dormir.
     O uso de chupetas é outro fator que interfere na produção, pois ao invés de estar estimulando a mama ele esta satisfazendo a sua vontade neural de sucção na chupeta.
     Oferecer uma só mama, também é uma prática ainda encontrada porém não mais aconselhada. As duas mamas precisam ser estimuladas igualmente em toda mamada.
     Não menos importante é a anquiloglossia ou língua presa, pois ela impacta negativamente a amamentação.
     O emocional da mãe interfere sobremaneira no processo da amamentação e na produção do leite.
     Mãe cansada, estressada, cercada de gente que não apoia e dá palpites negativos fazem com que haja uma inibição da ocitocina. E isso interfere na produção do leite materno.
     Hoje é possível mudar o desfecho de uma baixa produção que caminha para um desmame
     Mas é preciso de ajuda de quem está atualizado com as práticas ou que trabalha com amamentação.
     Consulte um Banco de leite ou com a consultora de amamentação mais próxima.
 
 
Maria da Graça Endres
Enfermeira e Consultora de Amamentação
Cel.: (16) 99713-7680.